Jesus nunca perdeu seu objetivo de vista – Parte 1

O Mestre e o plano

“Eu sou o caminho.” João 14:6

Nesta série vamos refletir sobre as estratégias que o Senhor Jesus utilizou para alcançar o seu objetivo: Buscar e salvar o pecador perdido.vinde-apos-mim-2

Estaremos citando textos de Robert E. Coleman, em seu livro “Plano Mestre de Evangelismo”.

Há duas perguntas que sempre devemos fazer a nós mesmos:

  • Está valendo a pena?
  • É assim mesmo que se faz?

É preciso voltar continuamente a essas questões quando se trata da atividade evangelística da igreja local. Até que ponto nossos esforços para manter as coisas funcionando bem estão contribuindo de fato para o cumprimento da Grande Comissão de Cristo?

O fato de estarmos envolvidos em várias atividades ou sermos muito qualificados, não significa necessariamente que podemos considerar o objetivo alcançado.

Até que ponto nossos esforços para manter as coisas funcionando bem estão contribuindo, de fato, para o cumprimento da Grande Comissão de Cristo? …Será que estamos atingindo nossos objetivos?

Cristo é o exemplo perfeito… Ele nunca perdeu seu objetivo de vista – redimir o mundo para Deus. Nós precisamos considerar cuidadosamente suas estratégias, porque Ele concebeu um plano que não falharia…

Por isso é tão importante analisar as articulações de que Jesus
se valeu para alcançar sua meta. O Mestre revelou a estratégia de
Deus para conquistar o mundo.

Nada foi casual em sua vida. Nenhuma energia foi empregada
em vão, nenhuma palavra foi jogada fora. Ele estava
trabalhando para Deus (Lc 2:49).”

(Extraído do livro “Plano Mestre de Evangelismo” de Robert Coleman, páginas 9-14, Ed. Mundo Cristã)

 

Jesus nunca perdeu seu objetivo de vista – Parte 1
Classificado como:        

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *