Inspire-se com… David Brainerd (Parte 2)

David Brainerd foi missionário entre os índios norte-americanos. Seu coração ardia no desejo de ganhar almas para o Senhor.
Sua vida de completa consagração e dedicação ao chamado de Deus, causou impacto impressionante sobre a vida de homens e mulheres em todo o mundo. Neste artigo veremos alguns trechos do Diário deste grande servo do Senhor.
David Brainerd
David Brainerd
Início da pregação aos índios de Crossweeksung – Ano de 1744

 

Dia do Senhor, 24 de junho. Estou extremamente débil e quase não posso caminhar. Porém, visitei meus índios e muito esforcei-me por instruí-los. Trabalhei com alguns deles que antipatizavam muito com o cristianismo.

Minha mente sentia-se sobrecarregada diante do peso e da dificuldade de minha tarefa.

Toda a minha esperança e dependência de sucesso pareciam estar em Deus, pois só Ele poderia tornar os índios dispostos a receber instrução.

Meu coração voltou-se para a oração, enviando pedidos silenciosos a Deus, mesmo enquanto falava a eles.

Oh, que eu sempre aja na força do Senhor!

25 de junho. Melhorei um pouco de saúde em comparação com os últimos dias, e fui capaz de passar uma boa parte do dia em oração e estudo intenso. Tive grande liberdade e fervor; anelei especialmente  pela presença de Deus em meu trabalho, e que os pobres pagãos se convertessem.

Na oração da noitinha, minha fé e esperança em Deus receberam uma nova vitalidade. Para os olhos da razão tudo quanto diz respeito à conversão dos pagãos é negro como a noite; mas só posso esperar em Deus quanto ao acontecimento de algo glorioso entre eles…

26 de junho. Pela manhã, meus desejos pareciam elevar-se livremente até Deus. Estive ocupado a maior parte do dia, traduzindo orações para a língua dos índios Delaware;

tive grande dificuldade no trabalho, pois meu intérprete não estava nada familizarizado com a tarefa. Embora me sentisse muito desencorajado diante da extrema dificuldade do trabalho, Deus me susteve, e, especialmente à noite, refrigerou-me docemente a alma.

Em oração, minha alma pôde expandir-se e minha fé atuou em um exercício sensível, e assim fui capacitado a clamar a Deus pelos pobres índios. Embora a conversão deles pareça impossível para o homem, para Deus tudo é possível.

Minha fé foi muito fortalecida quando observei a admirável ajuda dada por Deus a seus servos Neemias e Esdras, na reforma do povo de Deus e no restabelecimento da antiga comunidade de Israel. Fui poderosamente ajudado em oração em favor de meus queridos amigos crentes , como também em favor de outros, segundo penso, sem Cristo.

Mas minha preocupação maior foi acerca dos pobres pagãos, sobretudo aqueles que estão ao meu encargo; e pude orar fervorosamente por eles, esperando que Deus descesse dos céus para a salvação deles.

Pareceu-me que não poderia mesmo haver empecilho suficiente para obstruir essa obra gloriosa, porquanto o Deus vivo, segundo minhas vivas esperanças, estava engajado nela.

Texto extraído do livro “A vida de David Brainerd” 
escrito por Jonathan Edwards

 

 

Inspire-se com… David Brainerd (Parte 2)
Classificado como:        

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *